segunda-feira, 23 de novembro de 2015

Pablo Neruda, in "Cem Sonetos de Amor" - Quero comer o raio queimado na tua formosura

Quero comer o raio queimado na tua formosura,
o nariz soberano do rosto altivo,
quero comer a sombra fugaz das tuas pestanas


Pablo Neruda, in "Cem Sonetos de Amor"

Nenhum comentário:

Postar um comentário