quarta-feira, 25 de novembro de 2015

Pablo Neruda, in "Cem Sonetos de Amor" - E faminto venho e vou farejando o crepúsculo ...

"E faminto venho e vou farejando o crepúsculo
à tua procura, procurando o teu coração ardente
como um puma na solidão de Quitratue. "

Pablo Neruda, in "Cem Sonetos de Amor"

Nenhum comentário:

Postar um comentário