segunda-feira, 3 de agosto de 2015

Friedrich Nietzsche, in "A Gaia Ciência" - Citações

Queixas-te porque não encontras nada a teu gosto?
São então sempre os teus velhos caprichos
Ouço-te praguejar, gritar e escarrar...
Estou esgotado, o meu coração despedaça-se.
Ouve, meu caro, decide-te livremente.
A engolir um sapinho bem gordinho,
De uma só vez e sem olhar.
É remédio soberano para a dispepsia.


Friedrich Nietzsche, in "A Gaia Ciência"

Nenhum comentário:

Postar um comentário