sexta-feira, 8 de novembro de 2013

Gilcimar Teixeira - Meu desejo de Infância



Ah  que  saudade  da  minha  infância
águas  passadas não  movem  moinho,
isso  até  que  é  verdade,
mas minhas loucas  lembranças
fazem meus sonhos serem tão
tangíveis  quanto  a  realidade

Ah onde  estão as  bolinhas  de  gude?
onde  estão  os  piões?
onde  está a bandeira?
olho  pro céu  e  não  vejo  a  Pipa
será  que   foram  brincar de  pique-esconde?
ou  será  que   foram brincar de  pique-pega e  ninguém  
conseguiu    alcançá-los?

Ah  que  saudade,
que vontade,
meu  desejo de  criança  era  ser adulto e ter uma  profissão
meu desejo de  adulto  era  voltar  a  ser  criança 
e brincar com a  imaginação!!!!!



         Autor: Gilcimar Teixeira
         Titulo: Meu desejo de  Infância

Nenhum comentário:

Postar um comentário